VIDEOS

Loading...

sexta-feira, 17 de junho de 2011

INFORME

COMO SE DARÁ A IMPLANTAÇÃO DO PCCS?

Ontem, na reunião com o Secretário de Administração, Sr. Augusto Werneck, ficou acordado que a implantação do PCCS será efetuada em 3(três) etapas, a saber:

1ª ETAPA: Elevação dos pisos salariais, levando-se em consideração a Lei 5.950/2011 que fixa os pisos salariais do Estado do Rio de Janeiro, onde cada função e categoria terão eliminandas as distorções salariais hoje existentes. Esta etapa será implementada até janeiro de 2012, onde o menor piso salarial passará a ser em torno de R$630,00 e o maior R$2.200,00(para médicos).

2ª ETAPA: A partir de janeiro de 2012 iniciar-se-á a mais delicada e complexa fase que é a realização do ENQUADRAMENTO de cada funcionário de acordo com seu tempo de serviço, grau de instrução, cursos de aperfeiçoamentos e etc. Todo este processo se estenderá até dezembro de 2012. Ao final aproximadamente 3.500 servidores estarão devidamente enquadrados em suas funções o que permitirá um significativo ganho salarial.

3ª ETAPA: Em janeiro de 2013 começa a fase final de implantação do PCCS, onde com a eliminação das distorções salariais e sendo realizado o devido enquadramento se obterá um enorme redução do impacto financeiro na folha de pagamento, o que permitirá a elevação dos salários para o valor final estabelecido pelo plano de cargos.

Desta forma a implantação final do PCCS se dará em 24 meses aproximadamente, menos que os 40 inicialmente propostos pelo governo. O Sindicato fez o melhor, dentro do diálogo democrático e após um longo processo de negociação. O Governo também irá cumprir a sua parte, resta portanto somente que os Servidores cumpram a sua que é se manterem MOBILIZADOS para que conquistemos na Câmara Municipal a aprovação na integra do projeto de Lei do PCCS.

Nenhum comentário: